domingo, 22 de abril de 2012

F1: O bi campeão está de volta!

Apesar de todos os protestos dos oposicionistas ao regime que governa o Bahrein há mais de 200 anos, a quarta corrida desta temporada ocorreu sem nenhum problema de segurança, só o site da categoria que sofreu mais ataques do grupo de crackers opositores da família real, conhecido por Anonymous. Eles invadiram os servidores do site deixando-o sobrecarregado, o que fez a página ficar fora do ar para alguns internautas, inclusive o live timing. Além disso eles tiveram acesso aos dados das pessoas que compraram ingressos para a corrida.

Qulifying:

Sebastian Vettel surpreendeu a todos os fãs da Formula 1 ao fazer a pole, quando muitos já começavam a criticá-lo por seu fraco desempenho no início da temporada 2012. Hamilton e Webber completaram os 3 primeiros do treino de classificação. Ricciardo e Grosjean foram outras duas surpresas por terem conquistado vaga no Q3, em 6º e 7º respectivamente. Felipe Massa e Bruno Senna mais uma vez não conseguiram passar para o Q3 e novamente largaram um ao lado do outro, 14º e 15º.

Leia também:

Corrida:


grandepremio.com.br
Apesar de todos os problemas que o país passa atualmente, tivemos uma boa corrida, com muitas brigas por posições, só o líder da prova que quase não foi ameaçado (como de costume). Só antes da terceira parada nos boxes que Vettel foi ameaçado por Räikkönen, no entanto após o pit stop os dois saíram com o mesmo pneu (médio) e o piloto da Red Bull abriu vantagem suficiente para vencer mais uma corrida em sua carreira.

#KobaMito decepcionou mais uma vez já que tinha esperanças de terminar na zona de pontos uma vez que optou por duas paradas, entretanto seus pneus desgastaram e ele perdeu muitas posições no final e acabou tendo de fazer a terceira parada e terminou em 13º.

Apesar da FOM ter boicotado a Force India no treino de classificação (já que a equipe não quis participar do 2º treino por motivos de segurança, leia sobre isso aqui), na corrida as coisas foram diferentes, tivemos várias imagens dos carros da equipe, sendo que o que mais apareceu foi o de Paul di Resta, que fez uma boa prova e terminou em 6º.

Desta vez o melhor brasileiro foi o que era considerado como azarão, Felipe Massa conseguiu marcar seus primeiros pontos na atual temporada (dois) ao terminar em 9º, enquanto seu companheiro, Fernando Alonso terminou lado a lado com di Resta, e ficou em 7º. Schumacher voltou a marcar pontos ao terminar em 10º. Bruno Senna não completou a prova.

A maior surpresa da corrida foi o resultado da Lotus, que conseguiu colocar seus dois pilotos no pódio, coisa que não acontecia há muito tempo. Kimi Räikkönen foi o segundo, depois de ter largado em 11º e por pouco não venceu a corrida. Seu companheiro o francês Grosjean completou o pódio.

As McLarens tiveram problemas novamente e só Hamilton conseguiu terminar a prova, mesmo tendo problemas nas três vezes que parou nos boxes. Button abandonou a duas voltas do final. Com o resultado desta corrida tivemos o 4º vencedor diferente em quatro corridas, coisa que nunca aconteceu na história. O campeonato tem um "novo/velho" líder. Sebastian Vettel lidera o Mundial de Pilotos com 53 pontos, seguido por Hamilton e Webber. A próxima corrida será na Espanha no dia 13 de março.

Official live timing popup

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga este blog por e-mail