sábado, 20 de novembro de 2010

Músicas antigas que ainda são atuais: Cai água, cai barraco - Biquíni Cavadão (1991)

Esta música foi lançada no álbum Descivilização de 1991. Ela retrata bem os problemas sociais do país e como o próprio nome sugere, fala sobre as enchentes de fim de ano. De 91 pra cá não mudou quase nada, ou nada. Continuamos com esses problemas, alguns até pioraram, como as enchentes, que nenhum governo resolve e não tem vontade de resolver, para prometer resolver na próxima campanha.

Cai Água, Cai Barraco
Composição: Alvaro, Bruno, Miguel, Sheik, Coelho

Cai água, cai barraco
Desenterra todo mundo
Cai água, cai montanha e enterra quem morreu

É sempre assim todo verão
O tempo fecha, inunda tudo
É sempre assim todo verão
Um dia acaba o mundo todo

Derruba o muro, o prédio podre, a casa velha
Empurra a velha
Pega a bolsa e sai batido

E sobe o morro, sobe o pau, sobe o diabo
(desce o pau em toda gente, "a gente temo que corrê")
Corre pra cima e pra baixo, se enfia num buraco
(Manda fogo na polícia, "pr'esses caras aprendê")

Tem mais um filho na barriga
Outra criança pra mamar
Vai ser criado pela rua, vai ter muito que ralar

O povo anda armado
O povo anda armando
O povo todo anda armado e está cansado de sofrer

Bate no filho, bate-boca, bateria, bate palma e não para debater
Bate no filho, bate-boca, bateria, bate uma e não para de bater
Bate no filho, bate-boca, bateria, bate bola e não para debater
Bate no filho, bate-boca, bateria, bate perna e não para de bater









2 comentários:

  1. Eu tenho essa musica num cd aqui em casa ,velho!Infelizmente,pouco tocada em alusão aos grandes sucessos do album Descivilização.
    E sobe o morro, sobe o pau, sobe o diabo
    (desce o pau em toda gente, "a gente temo que corrê")
    Corre pra cima e pra baixo, se enfia num buraco
    (Manda fogo na polícia, "pr'esses caras aprendê")um clássico que poderia ser relido em um proximo cd deles.

    ResponderExcluir

Siga este blog por e-mail