sábado, 9 de julho de 2011

Após vencer Guiné, Brasil enfrenta EUA nas quartas

Após as meninas do Brasil derrotarem Guiné Equatorial por 3-0 e as americanas perderem para a Suécia por 2-1, ficou decidido que Brasil e Estados Unidos será o confronto das quartas de final às 12:30h (horário de Brasília) deste domingo (10/07).



Pra variar as brasileiras tiveram problemas para apresentar todo seu potencial na primeira etapa do jogo contra Guiné. Os problemas que venho apontando desde o início da competição se repetem em todas as partidas da seleção, mas Kleiton Lima insiste na teimosia e não muda as posições das jogadoras e o esquema tático da equipe. Só na segunda etapa é que o time se acertou, e tudo começou com a chegada da Erika ao ataque que recebeu o rebote da goleira na marca do pênalti (após chute cruzado de Cristiane), chapelou a zagueira e bateu de primeira no canto direito da goleira adversária, fazendo um golaço.



Este lance serviu para deixar claro que eu e o comentarista da Band, Neto, estamos certos em dizer que é um desperdício a Erika jogar de zagueira. O segundo gol foi marcado por Cristiane, após cruzamento rasteiro de Marta. E o terceiro também foi da camisa 11 da seleção, em cobrança de pênalti sofrido pela melhor do mundo.

Já as norte-americanas fizeram força para perder para a Suécia (2-1) e terminaram em segundo no grupo C, o que antecipou uma possível semi final entre brasileiras e americanas.



Os problemas da seleção já comentados neste blog, trarão muito sofrimento pra quem for torcer para a equipe brasileira amanhã, contra os EUA, sem contar o nervosismo que toma conta da equipe toda vez que enfrenta uma grande potência da categoria. Mas da minha parte, a torcida por elas continua, independente do resultado de amanhã.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga este blog por e-mail