domingo, 11 de setembro de 2011

Meu 11 de setembro de 2001

Hoje completam-se 10 anos do ataque da Al-Qaeda aos EUA no 11 de setembro de 2001. E como todas as mídias no mundo só falam nisso, as redes de TV exibem matérias e programas especiais sobre essa data e a maioria dos blogueiros publicaram alguma coisa durante esta semana sobre a lembrança de onde estavam e o que faziam no momento dos ataques ao WTC, também vou escrever um pouco sobre este tema.

Não lembro de muitos detalhes, só lembro que como a maioria dos garotos da minha idade ou mais novos, que também estudavam no turno da tarde, eu estava assistindo Dragon Ball na TV Globinho, quando a programação foi interrompida mais a maioria dos canais de tv não sabiam de início explicar o que estava acontecendo e porquê. No momento eu não tinha me dado conta da gravidade deste incidente, só fui entender melhor na aula de geografia desse dia.

Eu estava cursando o 1º ano do ensino médio na Escola Estadual "Professor Soares Ferreira" e minha professora de geografia era a Mércia (também conhecida como M3##@). Como a maioria dos professores de geografia/história ela era de esquerda (não sei se era filiada a algum partido), ela explicou a gravidade daquele acontecimento, expôs suas suspeitas de quais eram os responsáveis e falou sobre os motivos que fazem dos americanos um dos países mais odiados do mundo.


Dava para perceber um pouco de "felicidade" (não é a melhor palavra para expressar o que ela sentia) dela por ver os americanos sofrerem aquele ataque. Um pouco do que sinto atualmente. Lógico que sinto muito pelos inocentes que morreram naquele ataque, mas ninguém liga (principalmente os americanos) para os inocentes que foram mortos por eles no Afeganistão, Iraque e vários outros países que eles invadiram em nome de uma "guerra ao terror".


Confira o melhor post que li sobre esta data histórica aqui.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga este blog por e-mail