terça-feira, 19 de junho de 2012

Os Ônibus do Grupo Barraca trocaram o desembarque de passageiros para a porta traseira

A primeira vez que andei em um ônibus com embarque de passageiros na porta dianteira e desembarque na traseira foi no Rio de Janeiro, não lembro exatamente quando, pois já tem um bom tempo que os coletivos do Rio adotaram este sistema. Primeiro estranhei a novidade e depois odiei, ainda odeio e desejava que esse modelo nunca fosse adotado aqui em Buracocena.


Sinceramente não sei qual é a vantagem da roleta e o trocador (cobrador no Rio, não sei como esta profissão é conhecida no resto do país) ficarem perto do motorista e, nem a vantagem de embarcar na frente e desembarcar na porta traseira ou na do meio do ônibus (quando o desembarque é na porta que fica no meio é menos pior do que na traseira). Os trancos que o veículo dá quando vai parar em algum ponto, quando troca de marcha ou por alguma barbeiragem do motorista são um tormento para o passageiro que sofre para se segurar e conseguir chegar a porta traseira sem cair.

Esses problemas são menores em uma cidade como a nossa, que o trânsito não é tão caótico quanto o das cidades grandes, porém não devem ser ignorados. Se para mim que estou na faixa dos 20-30 anos é ruim, imagina para os idosos.

Por enquanto os ônibus da Empresa Gomes não aderiram a este modelo. Espero que não mudem, já que a maioria das linhas que eles fazem passam aqui perto do meu bairro e serviram pra eu escapar dos ônibus do Barraca.

Segundo a coluna João de Barro do Informativo Transparência Barbacena, publicada na edição de junho deste ano, na página 6, "Está para ser autorizado a qualquer momento o aumento das passagens de coletivos...".

Queria saber qual é a desculpa pra esse absurdo? Caso isso ocorra, será que nossa população vai aceitar isso normalmente?

Sobre o tema deste post (acabei fugindo dele pra comentar sobre o possível aumento nas tarefas das passagens de ônibus), não sei se eu é que estou ficando rabugento e por isso não gostei da mudança, ou se mais alguém concorda com a minha opinião. Deixe seu comentário neste blog e tirem as teias de aranha que estão tomando conta dele.

Um comentário:

  1. Para o aumento das passagens não sei o motivo, acho que do ponto de vista de quem usa esse tipo de transporte nunca se tem um mesmo. Quanto a mudança da entrada pela porta da frente, ao meu ver a unica vantagem é que ficando perto do motorista o trocador fica menos isolado e menos a merce de trombadinhas que costumam tentar e às vezes conseguem roubar o coitado que pouco tem a fazer.

    o melhor mesmo seria liberar as vans e ver "novas" empresas participando do transporte da cidade.

    ResponderExcluir

Siga este blog por e-mail