domingo, 22 de julho de 2012

Alonso vence em Hockenheim

Após as chuvas dos treinos de sexta e sábado, o que prejudicou a qualificação de ontem, tivemos uma corrida com pista seca e com vitória tranquila do pole position e líder do campeonato Fernando Alonso. A vitória do espanhol poderia ser mais difícil de se conquistada se Sebastian Vettel não tivesse tido problemas com seu KERS no final da corrida, quando tinha melhor rendimento e chegou a diminuir a diferença para o líder da prova pra menos de 1 segundo.

Leia também:
PS: Não tive tempo de escrever sobre a corrida de Silverstone e a vitória de Mark Webber

O problema no KERS da Red Bull do alemão, foi crucial para a perda do segundo lugar para o inglês Jenson Button, que ultrapassou o bi-campeão com uma certa facilidade. O outro inglês da McLaren, Lewis Hamilton, teve um pneu furado no início da corrida e foi parar nas últimas posições, o que prejudicou muito seu desempenho na corrida deste domingo.


Mesmo estando nas últimas posições e tendo tomado 1 volta dos líderes, o britânico teve um bom momento na corrida, quando seu carro estava rendendo bem e ele aproveitou para recuperar a volta que havia tomado de Vettel e partiu pra cima de Alonso, só que não teve rendimento para ultrapassar o primeiro piloto da Ferrari. Na volta 56 Hamilton abandonou a corrida e o momento em que escrevo este post, não tenho notícias se ele teve problema mesmo ou aproveitou pra trocar algum componente do carro, já que ao abandonar a corrida ele não sofre punição da FIA por isto.

Os brasileiros não foram bem em Hockenheim. Felipe Massa largou em 13º e terminou em 12º. Bruno Senna largou em 14º e terminou em 17º, uma volta atrás do líder. Os brasileiros não fazem um bom campeonato. Enquanto o companheiro de Massa venceu a corrida e lidera o mundial com 34 pontos de vantagem para Webber, o segundo, Felipe está apenas em 14º, com 23 pontos, o que atrapalha a Ferrari no campeonato de construtores, que é liderado pela Red Bull. O companheiro de Senna não tem tanta superioridade assim quanto Alonso tem para Massa, terminou em 15º hoje e está em 11º com 29 pontos, sendo que Bruno tem 18.

O mal desempenho dos brasileiros faz com que os pachequistas não gostem da atual temporada, mesmo ela sendo uma das mais disputadas da história, uma vez que os pachecos só se interessam por esportes que não sejam o futebol, quando um compatriota é campeão ou domina o esporte que disputa.

A Sauber voltou a ter seus dois pilotos entre os 10 primeiros em uma corrida nesta temporada. #KobaMito terminou em 5º, graças a  punição dada pela FIA a Vettel (falo sobre isso no fim do post), o japonês herdou o 4º lugar. Perez terminou em 6º. Kobayashi fez uma linda ultrapassagem sobre Hulkenberg pouco depois da metade da corrida, o que foi um dos bons momentos da prova.

A Lotus teve só Kimi entre os 10, já que Grosjean que largou em 19º só melhorou uma posição, terminando em 18º. Räikkönen cruzou a linha de chegada em 4º, porém herdou o 3º lugar. Schumacher, Webber, Hulkenberg e Rosberg completaram os 10 primeiros que marcam pontos.

Na última volta Vettel e Button brigavam pelo 2º lugar. Sebastian que mudou de estratégia quando teve problemas com seu KERS, resolveu poupar os pneus enquanto Jenson tentava passar Fernando Alonso, por isso o jovem alemão teve uma melhora no final da corrida, o que ajudou-o a chegar mais rápido em Button e fazer a ultrapassagem por fora, do carro de Button que deixou o carro espalhar pra não perder a posição e da pista, o que fez o primeiro piloto da Red Bull ser punido após o término da corrida, tendo 20 segundos acrescentado ao seu tempo final e caindo de segundo para quinto na classificação final do GP da Alemanha.

Resultado oficial antes da punição a Vettel
Pra mim foi uma punição besta da direção de prova e estas punições tem estragado muito um campeonato que poderia ser bem melhor, caso não tivéssemos essas babaquices. O diretor de prova da corrida de hoje era da corrida de hoje era inglês (não achei o nome dele), como Button e Alonso aumentou sua vantagem para Vettel, que sem a punição teria 36 pontos a menos e com a punição tem 44, quase duas vitórias de desvantagem para o líder.

No próximo final de semana teremos a 11ª corrida da temporada, que acontecerá Budapeste, no circuito de Hungaro-Ring, na Hungria.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga este blog por e-mail