domingo, 29 de julho de 2012

Chega de sustentar as famílias Andradas e Bias Fortes! (Parte 2)

Precisamos do maior número possível de votos nulos para anular esta eleição e obrigar os partidos a escolherem novos candidatos e quem sabe a entrada de uma ou duas novas opções. A nossa meta é alcançar 51% de votos nulos.


__

Sem opção?

       Barbacena se vê novamente, sem opção? Apesar de pesquisas revelarem que existe uma enorme rejeição a velha politicagem, que garante a "boa vida" de uns poucos na cidade, parece que nada de novo apareceu.
          Como de costume, a rede de intrigas, armações, negociatas, ameaças, como acontecia nos tempos da ditadura, do coronelismo persistem.
           Mas, se pensam que a cidade não terá opção, estão enganados...
           As conversas nas ruas já dão sinal de que haverá sim, novidade nas urnas.
           O voto NULO está ganhando espaço entre a população, principalmente nos jovens.
         O clamor do povo por uma política diferente, onde se discutam propostas para a cidade e não apenas interesses pessoais, mais uma vez não ouvido pelos partidos.
          Enganam-se os que pensam que vão enfiar "goela abaixo" um candidato.
          Barbacena acordou.
        Se houver uma grande porcentagem de votos nulos, pode não anular a eleição, mas o povo mostrará que não aceita mais cabresto, nem esses sanguessugas, mercenários que pensam que dominam o povo.
          Nulo neles! Mostre que os políticos podem se vender, mas o povo não.

(fonte: Página 2, Editorial do Informativo Transparência Barbacena, edição de Julho de 2012)
__

Em Minas e Barbacena não se respira Liberdade

Carlos Henrique Botelho

          Vergonha! Nojo! Absurdo!
          Esse é o sentimento da população, diante dos fatos que culminaram com a retirada da candidatura de Pedro do Vale à prefeitura.
          Indignação com o governo de Minas, com os Coronéis da cidade, com Pedro do Vale que jogou fora a chance de derrotar de uma só vez as duas famílias.
          Barbacena é hoje a única cidade no Brasil onde se faz política com ameaça, negociata, e pasmem, tudo às claras, diante da população e da Justiça, aliás, para que serve o judiciário?
          A falta de decência, de vergonha é ilimitada.
         Não dá para entender como um homem pode trair a população da "pereferia", como ele diz, como pode enganar tanta gente humilde, trabalhadores, servidores e achar que isso é normal.
         Esse indivíduo terá paz? Terá coragem de sair às ruas? Terá coragem de encarar seus colegas servidores?
          E os coronéis da cidades, não tem vergonha de agir de forma tão baixa, tão vil?
          É, parece que o mundo evoluiu, mas os políticos de Barbacena não.
          Resta a população mostrar nas urnas a sua indignação votando NULO.
        Pelo menos assim, o resto do Estado e do País saberá que os políticos daqui podem não ter vergonha na cara, mas a população tem.

(Fonte: Página 3 da edição de Julho de 2012 do Informativo Transparência Barbacena)

__

Acorda Barbacena! NULO neles!

Um comentário:

  1. Os cidadãos de Barbacena, vão demostrar para estas velhas raposas politiqueiras que o coronelismo passou.. é hora da cidade respirar o verdadeiro ar da liberdade democrática. Valeu Artur!! e parabéns ao pessoal deste importante informativo independente que é o Transparência

    ResponderExcluir

Siga este blog por e-mail